Ligue-se a nós

Sociedade

3.400 pessoas inscreveram-se para votar antecipadamente no concelho de Leiria

Com sete mesas de voto montadas dentro do Mercado Santana, representando uma média de 500 votos por mesa, há ainda canetas disponíveis para quem não trouxer.

Publicado

em

Por

Mercado Santana
Foto: Votação antecipada Mercado Santana, em Leiria / João Mirante

O número de pessoas que se inscreveu para votar antecipadamente em Leiria registou um recorde, já que nas últimas eleições cerca de 1400 pessoas, em todo o distrito de Leiria, optaram por esta opção. Para este domingo, só o concelho de Leiria, recebeu inscrições de 3.400 pessoas.

No total, 10.469 eleitores inscreveram-se para votar antecipadamente em mobilidade nos 17 concelhos da região de Leiria (distrito de Leiria e concelho de Ourém) para as eleições presidenciais, segundo dados da Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna (SGMAI).

Esta manhã, o presidente da Câmara de Leiria, em declarações à TVI considerou os números um “bom sinal de antecipação”, defendendo a modalidade como um “voto mais seguro”.

“Nas legislativas tivemos 1380 pessoas a inscrever-se no voto antecipado, em todo o distrito de Leiria, e este ano, apenas no concelho de Leiria pediram voto antecipado cerca de 3.400 pessoas”, afirmou Gonçalo Lopes ao canal televisivo, a partir do Mercado Santana, em Leiria.

Quanto à preparação do ato, o presidente leiriense explicou que “passámos a semana toda a preparar este dia, a fazer formação com os presidente de junta e elementos das mesas”, num ensaio para o próximo domingo, dia 24 de janeiro.

De acordo com a Comissão Nacional de Eleições, à Lusa, a votação antecipada em mobilidade para as eleições presidenciais está a decorrer desde as 08h00 com normalidade, sem incidentes e com boa afluência.

Em todo o país, inscreveram 246.880 eleitores, um número recorde. Quem estiver inscrito para o voto antecipado de hoje e não o fizer, pode fazê-lo no próximo domingo.

As eleições presidenciais, que se realizam em plena epidemia de covid-19 em Portugal, estão marcadas para 24 de janeiro e esta é a 10.ª vez que os portugueses são chamados a escolher o Presidente da República em democracia, desde 1976.

A campanha eleitoral termina em 22 de janeiro. Concorrem às eleições sete candidatos, Marisa Matias (apoiada pelo Bloco de Esquerda), Marcelo Rebelo de Sousa (PSD e CDS/PP) Tiago Mayan Gonçalves (Iniciativa Liberal), André Ventura (Chega), Vitorino Silva, mais conhecido por Tino de Rans, João Ferreira (PCP e PEV) e a militante do PS Ana Gomes (PAN e Livre).

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES