Ligue-se a nós

Cinema

A Serva – Fechar os olhos até que se torne a realidade

“É uma sociedade ditatorial e fortemente repressiva, na qual as mulheres férteis são servas com um único objetivo: procriar”.

Publicado

em

A Serva
Foto: Facebook The Handmaid's Tale

Título: A Serva
Criadora: Bruce Miller
Ano: 2017
Classificação Notícias de Leiria: 9 brisas do lis
(Legenda: 0 brisas – fraquinho / 10 brisas – imperdível)

 

Numa realidade distópica não muito distante, Gilead é um novo país nascido de ideais extremistas, dogmas religiosos e desrespeito pelos direitos humanos. É uma sociedade ditatorial e fortemente repressiva, na qual as mulheres férteis são servas com um único objetivo: procriar.

Offred/June (Elisabeth Moss) é serva de um dos homens mais influentes de Gilead, Fred Waterford (Joseph Fiennes). A sua filha foi-lhe retirada, o marido conseguiu escapar para o país livre do Canadá e ela tenta sobreviver, entre o desespero e a esperança na mudança e na recuperação da sua família.

Baseada no livro de Margaret Atwood, é uma história poderosa e assustadora, com uma fotografia e direção de arte fantásticas. As cores associadas a cada grupo de mulheres, que são forçadas a utilizar vestes iguais designadas para a sua classe (as servas vestem vestidos e longas capas vermelhas com chapéus brancos e as esposas utilizam roupas sempre de cor verde, por exemplo), ajudam a criar uma imagem bela e singular, por entre cenários brancos de neve, altos muros cinzentos de cimento e o sangue das vítimas.

Elisabeth Moss, que já conhecíamos como Peggy Olsen de Mad Men, ganhou o Globo de Ouro em 2018 para Melhor Atriz em Série Dramática, provando a sua dedicação e extraordinária atuação nesta série.

A Serva faz-nos olhar para o futuro com apreensão e sentir que não é assim tão difícil manipular uma sociedade com fundamentalismos e fazer a sua população aceitar passivamente a restrição da liberdade, seja por não saber como se opor, seja pela mudança ser gradual e dissimulada. Pode acontecer sem nos darmos conta ou sem lhe darmos importância, até que se torne a realidade.

Veja aqui o trailer:

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES