Ligue-se a nós

Sociedade

Criança desaparecida em Peniche já tinha fugido

As buscas foram retomadas por volta das 7h00 da manhã desta sexta-feira.

Publicado

em

Por

carro e agente da GNR
Foto: Facebook GNR - Guarda Nacional Republicana

A criança de nove anos desaparecida desde quinta-feira à noite, na freguesia da Atouguia da Baleia, concelho de Peniche, já tinha voltado a fugir.

Esta não foi a primeira vez que Valentina desapareceu, de acordo com a SIC Notícias, “há algum tempo também desapareceu mas foi logo encontrada”.

Foi vista pela última vez na residência do pai, com quem estava, às 20h30 da noite de quarta-feira. Na manhã de quinta-feira, cerca das 08h30, o pai deu por falta da criança tendo-se deslocado ao posto da GNR de Peniche para reportar o desaparecimento.

A menina chama-se Valentina e quando desapareceu tinha vestido “um casaco azul, uns chinelos de meter o dedo e um pijama também azul, às bolinhas”, segundo o tio, Nuno Ramos, citado pelo jornal Público.

A residência do pai, onde estava a criança, localiza-se no limite do concelho de Atouguia da Baleia, próxima a vários terrenos agrícolas.

De acordo com o jornal Correio da Manhã, Valentina Fonseca tinha os “pais separados e vivia em regime de guarda partilhada, sendo que esta quinta-feira se encontrava com o pai”.

Segundo o comandante dos bombeiros de Peniche, estão no local 67 operacionais apoiados por 26 viaturas (entre embarcações, jipes de todo-o-terreno e moto-quatro), apoiados por quatro drones, segundo informação disponível na página da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES