Ligue-se a nós

Sociedade

Funerária Cardoso aposta em Centro Funerário para melhorar condições do serviço

Com um investimento superior a 250 mil euros, o Centro Funerário Cardoso vai apostar também no serviço fúnebre internacional.

Publicado

em

Por

Centro Funerário Cardoso
Foto: Inauguração Centro Funerário Cardoso, em Caldelas, Caranguejeira / Funerária Cardoso

A Funerária Cardoso, sediada na freguesia da Caranguejeira, inaugurou este sábado, dia 27 de março, o seu Centro Funerário Cardoso, numa visão de criar um espaço com melhores condições.

O ato simbólico, sem convidados devido à pandemia da covid-19, contou com a presença do presidente da Câmara de Leiria, Gonçalo Lopes, o presidente da Junta de Freguesia da Caranguejeira, Joaquim Mónico e do Pároco da freguesia Filipe Lopes.

Ao Notícias de Leiria, Isilda Cardoso explica que o novo edifício é composto por um escritório, sala de velório para cerca de 20 pessoas, espaço para exposição de urnas e uma sala de preparação com uma arca frigorífica com capacidade até seis cadáveres.

“É nesta sala que preparamos o corpo com a máxima dedicação e com mais tempo”, conta-nos a gerente da funerária que trabalha há 23 anos na área.

Com 57 anos, natural da Caranguejeira, assume que chegou a “hora de arriscar” e elevar a fasquia.

Com um investimento superior a 250 mil euros, sem quaisquer apoios ou fundos de investimento, o Centro Funerário Cardoso vai apostar também no serviço fúnebre internacional.

Numa localidade com forte emigração, Isilda Cardoso explica que “agora com mais espaço, tenho condições para trazer pessoas de países como França, Suíça ou Alemanha, realizando aqui o serviço fúnebre”.

Com apenas três funcionários, a gerente conta ao Notícias de Leiria que “trabalhar nesta área é gostar daquilo que se faz”.

A pensar no futuro, assume que o seu serviço tem “evoluído muito”, assim como todo o setor que hoje é mais “humano e mais exigente com a preparação do corpo”, conclui Isilda Cardoso.

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES