Ligue-se a nós

Sociedade

Leiria vai continuar desinfeção de ruas apesar de OMS garantir que não é eficaz

Até ao momento, a autarquia leiriense não recebeu quaisquer queixas como irritações dos olhos e pela ou problemas gastrointestinais.

Publicado

em

Desinfeção Praça Rodrigues Lobo
Foto: Município de Leiria

O presidente da Câmara de Leiria, Gonçalo Lopes, afirma que o município vai continuar a desinfetar as ruas mesmo depois da Organização Mundial de Saúde (OMS) alertar que além de ser ineficaz pode ser perigoso.

À Rádio Observador, Gonçalo Lopes explica que “as ações de desinfeção da Câmara de Leiria são direcionadas a zonas muito específicas de concentração de público como entradas de lares, centros de saúde, sendo depois estendidas a parques de estacionamento”, contrariando qualquer ação massiva “como aconteceu na China ou no Irão”.

Quanto à falta de eficácia deste tipo de ações, já avançada anteriormente pela Direção Geral da Saúde (DGS), Gonçalo Lopes aponta que o tema não é unânime, “havendo, a nível local, médicos dentro da Saúde Pública que não se opõem”.

Para o presidente de Leiria, as contradições neste tema assemelham-se às orientações do uso de máscara ou viseira.

Em Leiria, as ações de desinfeção vão-se manter. “Vamos continuar, temos equipas formadas com as Juntas de Freguesia, em zonas muito específicas, promovendo uma cultura de higiene, junto da comunidade”, afirma Gonçalo Lopes à Rádio Observador.

Até ao momento, a autarquia não recebeu quaisquer queixas, descritas pela OMS, como irritações dos olhos e pele, bronco-espasmos ou problemas gastrointestinais, garante o presidente leiriense.

Segundo a OMS, pulverizar ou fumigar desinfetante nas ruas não elimina o vírus e coloca riscos sanitários.

A Organização acrescenta que “mesmo em caso de ausência de matérias orgânicas, é pouco provável que a pulverização química cubra corretamente todas as superfícies durante o tempo de contacto necessário para inativar os agentes patogénicos”.

“Se for preciso aplicar desinfetantes, convém fazê-lo com um pano ou um toalhete embebido de desinfetante”, recomenda.

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES