Ligue-se a nós

Sociedade

Leiria vai ter primeiro ‘hub’ de carregamento para veículos elétricos

A estação de carregadores vai permitir o carregamento de 18 veículos em simultâneo.

Publicado

em

Por

Carro elétrico
Foto: Carro elétrico a carregar / Pixabay

A cidade de Leiria vai ter, a partir desta quarta feira, o primeiro ‘hub’ – estação com vários carregadores para veículos elétricos, seguindo-se a instalação de outros em mais oito grandes centros urbanos nacionais.

Numa nota enviada aos jornalistas, a MOBI.E, S.A refere que a inauguração do primeiro hub de carregamento para veículos elétricos terá lugar pelas 14:00, na Rua de Santo André, na cidade de Leiria.

O primeiro de um total de nove hubs, “resulta de um investimento de cerca de dois milhões de euros, integrado no Programa de Estabilização Económica e Social (PEES), lançado pelo Governo e com financiamento do Fundo Ambiental”.

De acordo com a MOBI.E, empresa pública que atua desde 2015 como Entidade Gestora da Rede de Mobilidade Elétrica (EGME), para além de Leiria, serão também contempladas, com um hub igual, as cidades de Almada, Coimbra, Guimarães, Loulé, Loures, Matosinhos, Vila Nova de Gaia e Viseu.

Cada hub é constituído por “um posto de carregamento ultrarrápido (150 kW), três postos de carregamento rápido (50 kW), cinco postos de carregamento normal (22 kW) e um posto de transformação, permitindo o carregamento simultâneo de 18 veículos”.

Segundo o presidente da MOBI.E, Luís Barroso, este projeto piloto “vem dar um sinal ao mercado de como poderá evoluir a resposta da rede Mobi.E, em zonas de maior procura, como os grandes centros urbanos”.

“O número crescente de utilizadores poderá encontrar mais facilmente, no mesmo local, um carregador disponível, mais ou menos rápido, de acordo com a sua necessidade do momento”, destaca.

Na mesma nota de imprensa pode ainda ler-se que o secretário de Estado da Mobilidade, Eduardo Pinheiro, considera que “a mobilidade elétrica é fundamental para a redução de emissões de gases com efeito de estufa, em grande parte responsáveis pelas alterações climáticas que já sentimos”.

“O Governo vai continuar a apoiar as medidas que permitam acelerar a adoção de veículos elétricos em detrimento de veículos poluentes, assim como outras medidas relacionadas com o transporte público e a mobilidade ativa. Continuaremos a trabalhar para assegurar um crescimento da rede pública de carregamento no território nacional, que dê resposta ao crescente número de veículos elétricos em circulação no nosso país nos próximos anos”, evidenciou.

A rede Mobi.E é composta atualmente por mais de 2.300 postos de carregamento e 4.800 tomadas, maioritariamente situados em espaços de acesso público.

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES