Ligue-se a nós

Sociedade

Matoeira constrói presépio com 60 figuras e Pai Natal

Aos domingos, há pão cozido em forno tradicional.

Publicado

em

Por

Aldeia Natal em Matoeira
Foto: Aldeia de Natal / Associação para o Desenvolvimento da Matoeira e do Carril

Um presépio de grande escala ao ar livre, com 60 figuras animadas e estáticas, está a ser construído na Matoeira, numa iniciativa de elementos da comunidade daquela aldeia da freguesia de Regueira de Pontes, no concelho de Leiria.

Duas dezenas de pessoas deitaram mãos à obra para concretizar um projeto que implicou dois meses de trabalho, num total de mais de 300 horas de dedicação para erigir esta aldeia de Natal, que, além do presépio, conta com uma casa do Pai Natal mecânico, gruta e até um lago artificial.

A iniciativa é da Associação para o Desenvolvimento da Matoeira e do Carril e, segundo a presidente da direção, o presépio “é o maior feito até hoje” na aldeia.

Instalada num jardim com 300 metros quadrados, esta aldeia de Natal cresceu impulsionada pela pandemia, explica Manuela Brás.

“Para nós, foi um escape. Estamos todos confinados, não podíamos estar uns com os outros e o presépio permitiu-nos estar ali em convívio, sem ser aglomerados. Divertiu-nos e psicologicamente ajuda”, diz a responsável.

Para Manuela Brás, o presépio da Matoeira destaca-se porque cresceu “segundo a capacidade de cada um” e utilizando materiais reciclados e reaproveitados, como sacos de ração.

“Não é nada que se compre, é fruto do trabalho manual de cada um, com muita dedicação e muito sacrifício”.

Este sábado, na Matoeira, completa-se a aldeia de Natal com a colocação do trenó com renas e a bandeira da junta de freguesia, que cedeu o espaço e tem contribuído para fazer o Natal diferente na Matoeira.

“Este presépio é um incentivo para todos. Temos tido já muitas visitas e a palavra está a passar”, afirma, satisfeita, a presidente da associação.

Até 23 de janeiro de 2021, a aldeia de Natal vai receber visitas, com precauções de segurança e seguindo as indicações da Direção Geral da Saúde: na gruta, por exemplo, só podem entrar duas pessoas de cada vez, sendo obrigatório o uso de máscara.

Na Matoeira, em tempo de Natal, procura-se ainda fomentar um espaço de encontros.

“O Natal é uma altura do ano muito especial, de entreajuda e de solidariedade. Eu já encontrei aqui uma pessoa que não via há 40 anos. As pessoas estão a aparecer para ver o presépio e encontrarem-se”, frisa Manuela Brás.

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES