Ligue-se a nós

Cinema

Museu – Assalto na Cidade do México

“Os dois melhores amigos e desistentes do curso de veterinária acreditam não ter nada a perder e muito a provar.”

Publicado

em

Museu Filme
Foto: DR

Título: Museu
Realizador: Alonso Ruizpalacios
Ano: 2018
Classificação Notícias de Leiria: 7 brisas do lis
(Legenda: 0 brisas – fraquinho / 10 brisas – imperdível)

É na noite de Natal de 1985, que Juan (Gael García Bernal) e Benjamín (Leonardo Ortizgris) decidem assaltar o Museu Nacional de Antropologia da Cidade do México. Os dois melhores amigos e desistentes do curso de veterinária acreditam não ter nada a perder e muito a provar. Juan deixa a família numerosa a celebrar em casa e Benjamin deixa sozinho o seu pai muito doente, para levarem a cabo o roubo de 140 peças pré-hispânicas. Com o tesouro na mochila, percorrem o país em busca de um comprador, mas rapidamente percebem que estão a entrar num mundo desconhecido e difícil de navegar.

Museu não é apenas sobre um grande assalto. Esse é o ponto de partida para uma exposição sobre a sociedade mexicana. Os protagonistas estão perdidos na Cidade Satélite, sem rumo para o seu futuro. Juan é idealista e sente-se pressionado por ter desiludido o pai e, aos seus olhos, não ter alcançado nada na vida. Esta é a oportunidade de provar do que é verdadeiramente capaz. Quando as coisas começam a correr mal, Juan recusa-se a desistir, pressionando Benjamin a continuar a qualquer custo. Porém, no final acaba por aceitar a dura realidade.

Com uma brilhante interpretação de Gael García Bernal, momentos de muito humor e cenários fantásticos, a longa-metragem merecia maior ritmo, que ajudasse a destacar os elementos positivos e tornasse um filme divertido num grande filme.

Uma adaptação livre de uma história verídica, pela mão de Alonso Ruizpalacios, que questiona a linha que separa arqueologia de roubo.

Veja aqui o trailer:

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES