Ligue-se a nós

Cinema

O Beco das Almas Desiludidas – Nightmare Alley 

“Nightmare Alley não tem a fantasia ou o fator de novidade a que Guillermo del Toro nos habituou, com filmes aclamados como O Labirinto do Fauno e A Forma da Água”.

Publicado

em

Foto: Fime Nightmare Alley / DR

Título: Nightmare Alley 
Realizador: Guillermo Del Toro 
Ano: 2021 
Classificação Notícias de Leiria: 6/10 brisas do lis

Stanton Carlisle (Bradley Cooper) é um jovem bonito, ambicioso e com talento para a manipulação. Ele começa a trabalhar numa feira itinerante, onde Zeena (Toni Collete) e o seu marido Pete (David Strathairn) lhe ensinam os truques de vidência e mentalismo, que utilizam para iludir o público. Eventualmente, Stanton deixa a feira com a sua apaixonada Molly (Rooney Mara) e começa a utilizar as artimanhas que aprendeu, para enganar a elite rica de Nova Iorque. Numa das suas “atuações”, conhece a Dr.ª Lilith Ritter (Cate Blanchett), uma psiquiatra que parece querer ajudá-lo e que se torna muito perigosa.

Com os traços identificativos de uma grande produção, Nightmare Alley é uma longa-metragem de boa qualidade técnica, da cinematografia à direção de arte e guarda-roupa. A nova adaptação faz jus ao estilo neo-noir e conta com um elenco cheio de estrelas. Apesar destes pontos positivos, várias são as razões para que o filme não tenha deslumbrado e seja alvo de críticas negativas. Uma das principais são as personagens e a sua falta de carisma, que não permite ao público desenvolver empatia para com elas, tornando o seu destino praticamente indiferente. São superficiais e estereotipadas e as suas motivações (se as têm) não são expostas de forma clara. O filme começa com um ritmo bastante lento, “empurrando” muita da ação para o final, o que resulta num terceiro ato apressado e trapalhão, no qual as ações das personagens não têm outra explicação a não ser a necessidade de avançar o enredo e chegar rapidamente à conclusão da história.

Nightmare Alley não tem a fantasia ou o fator de novidade a que Guillermo del Toro nos habituou, com filmes aclamados como O Labirinto do Fauno e A Forma da Água. É um filme que não inspira e que desilude os fãs, que aguardavam com expetativa uma viagem especial e entusiasmante.

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES