Ligue-se a nós

Sociedade

Tribunal de Leiria começou a julgar 21 arguidos em processo de tráfico de droga

Nesta primeira sessão, nenhum dos 21 acusados quis falar ao tribunal.

Publicado

em

Por

Operação Solum
Foto: Viaturas apreendidas na Operação Solum / PSP Leiria

O Tribunal de Leiria começou hoje a julgar 21 arguidos num processo de tráfico de droga no âmbito da operação “SOLUM”, que resultou de uma investigação da PSP de Leiria em 2020 e 2021.

Hoje de manhã, no Tribunal da Marinha Grande – onde decorre o julgamento -, procedeu-se à identificação dos arguidos, nove dos quais se encontram detidos preventivamente.

Nesta primeira sessão, nenhum dos 21 acusados quis falar ao tribunal. O julgamento prossegue da parte da tarde, estando prevista a audição das 15 primeiras testemunhas.

A operação “SOLUM” foi desencadeada em maio de 2021 pela Esquadra de Investigação Criminal da Divisão Policial de Leiria, no âmbito de um inquérito crime dirigido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Leiria, e decorreu nos concelhos de Leiria, Marinha Grande, Batalha, Porto de Mós, Nazaré, Loures, Seixal e Vila Nova da Barquinha.

Das buscas resultou a apreensão de 1.020 doses de cocaína (204 gramas), 200 doses de canábis e uma dose de haxixe, seis automóveis, alguns dos quais de gama alta, um motociclo, duas bicicletas, uma mini moto 4, 245 euros em dinheiro, três armas de fogo, 91 munições, duas armas brancas e diversos portáteis, telemóveis e outros objetos relacionados com o alegado crime.

A operação visou o cumprimento de 15 mandados de busca domiciliária e cerca de 40 mandados de busca não domiciliária, consequentes a uma investigação iniciada em 2020.

Segundo as autoridades policiais, o grupo lidava “com uma quantidade e frequência com alguma dimensão ao nível do tráfico de estupefacientes, o que causava um grande sentimento de insegurança na região”.

FARMÁCIAS DE SERVIÇO EM LEIRIA

POPULARES